Estamos a atualizar o nosso site.
Brevemente poderá dispor de todos os seus conteúdos.

Envie-nos um email

Pode enviar-nos um email com as suas dúvidas.

i

Formulário de Contato

Pode comunicar connosco atravéz do nosso formulário de contato.

278 262 129

Pode entrar em contato connosco através de telefone para marcar consultas ou pedir informações.

A Clínica

Corpo Clínico

Dr. João Vaz

Diretor Clínico

Curriculum

Licenciado em Medicina Dentária (UFP)

Drª. Filipa Santos

Médica Dentista

Curriculum

Licenciada em Medicina Dentária

Dr. Óscar Vaz

Pediatra e Alergologista

Curriculum

Assistente Graduado sénior de Pediatria

Assistentes

Liliana Rodrigues

Assitente Dentária

Teresa Borges

Assitente Dentária

Medicina Dentária

Cirurgia Oral

A extracção dentária é a situação mais comum nesta área seja por destruição dentária avançada, fracturas ou traumatismos extensos, dentes supranumerários, indicação ortodôntica ou protética, dentes inclusos e até como prevenção de futuros problemas, como por exemplo nos sisos.

Existem outras indicações, principalmente na área de Medicina Oral,  tanto para tecidos duros como para tecidos moles, em que a cirurgia oral é muitas vezes aplicada, nomeadamente ablação de quistos/tumores, biopsias, entre outros.

Implantologia Oral

É a especialidade responsável pela aplicação dos implantes dentários na maxila e mandíbula para suportar próteses unitárias, parciais ou totais de forma a preencher os espaços edêntulos com dentes e assim recuperar a estética e função perdidas. A sua colocação divide-se assim em duas etapas: a cirúrgica e a protética.

A superfície do implante encontra-se revestida por óxido de Titânio sendo responsável pela integração do mesmo no nosso organismo, uma vez que não ocorre formação de tecido fibroso em redor do implante e, por conseguinte, permite o contacto íntimo entre o osso e a superfície implantar.

A durabilidade do implante, que muitas vezes é questionada pelos pacientes, depende fortemente da boa higiene diária e da boa distribuição das forças mastigatórias. Na grande maioria das situações a perda dos implantes tem origem em problemas do osso que os suporta e denomina-se por periimplantite.

Ortodontia

É a especialidade cuja finalidade reside no estudo, prevenção e tratamento das disfunções dento-faciais, corrigindo e direcionando os dentes e maxilares para a harmonização da face, com o objectivo de atingir os padrões exigidos para a correcta mastigação, fonação, deglutição, respiração e estética.

Nas crianças, a idade ideal para se recorrer à primeira consulta de ortodontia deverá ser até aos 7 anos. Dependendo de cada caso em particular e do estádio de maturação, poderão estar indicados tratamentos interceptivos/preventivos, habitualmente com recurso a aparelhos removíveis  ou, ainda, tratamentos com recurso a aparelhos fixos combinados ou não com aparelhos removíveis, de forma a obter o correcto posicionamento dento-alveolar e dos maxilares. Existem situações em que o crescimento dos maxilares poderá ser maximizado, redireccionado e/ou inibido desde que as desarmonias dento-faciais sejam atempadamente diagnosticadas.

Nos adultos com alterações esqueléticas maiores, por não podermos influenciar o crescimento já finalizado, é algumas vezes indicada a cirurgia ortognática

Dentisteria

O tratamento das lesões de cárie é a principal aplicação desta especialidade. No entanto tem também grande importância na estética uma vez que permite resolver de forma rápida e com custos relativamente baixos, problemas como fracturas, diastemas (espaços entre os dentes), pequenos apinhamentos e alterações na forma e tamanho dos dentes.

Endodontia

Esta especialidade é responsável pelo diagnóstico e tratamento dos problemas da polpa dentária (composta por nervos e vasos sanguíneos) e pelos tecidos periapicais.

Quando o dente sofre de cárie, traumatismos, fracturas, doença periodontal, indicação protética ou até problemas sem causa aparente, a polpa dentária pode necessitar de tratamento endodôntico com o objectivo de recuperar e/ou manter o dente e os seus tecidos em redor do ápice saudáveis.

Casos em que a endodontia prévia fracassou poderá estar indicado o retratamento endodôntico e, em última instância, tratamento endodôntico cirúrgico.

Prostodontia

É uma vasta área da Medicina Dentária que tem como função reabilitar a perda de um ou vários dentes e dessa forma repor a estética e a função através de próteses que podem ser removíveis ou fixas.

Dentro das removíveis podem ser acrílicas e esqueléticas.

As próteses fixas podem ser retidas por dentes, por implantes ou uma combinação dos dois, podendo ser unitárias ou ter vários elementos.

Odontopediatria

Esta área dedica-se á prevenção, diagnóstico e tratamento dos problemas orais desde a infância até à adolescência.

Na consulta de odontopediatria são feitos diversos tratamentos de índole preventiva tais como informação e motivação para a importância da manutenção de uma correcta higiene oral e de uma dieta equilibrada, destartarização, aplicações de selantes de fissura e flúor, e diagnóstico precoce de hábitos orais (polegar, chupeta, lábio, onicofagia).

É importante a realização de ortopantomografia para averiguar a presença dos dentes definitivos e seu desenvolvimento, posição e orientação, para uma planificação individualizada de cada caso.

São também realizados muitas vezes procedimentos de endodontia e dentisteria para reabilitar dentes que sofreram de cáries ou de fracturas.

Em tratamentos mais complexos ou em pacientes com medo e ansiedade poderá estar indicada a sedação consciente.

Periodontologia

É a área que se dedica ao diagnóstico e tratamento de problemas nos tecidos de suporte dos dentes (gengivas, osso alveolar e ligamento periodontal) tais como gengivite, doença periodontal, recessão gengival, entre outros.
Os sinais mais comuns de doença periodontal são o aparecimento de inflamação gengival e hemorragia gengival, mobilidade dentária e halitose. Existem estudos que encontraram forte correlação entre esta patologia com diabetes, artrite reumatóide, partos prematuros, infecções respiratórias e enfarte do miocárdio.
Hoje em dia recorrendo a técnicas cirúrgicas mais avançadas e previsíveis é possível de uma forma mais fácil corrigir perdas desses tecidos recorrendo a regeneração tecidular através de biomateriais e a sua modelação com recurso a cirurgia piezoelétrica ou Lasers.

Pediatria

Pediatria

A Pediatria é a especialidade médica que se dedica aos cuidados preventivos e curativos da criança e adolescente. Na vertente preventiva incluem-se os cuidados e orientações primários logo após o nascimento tais como o aleitamento, vacinações, vigilância do crescimento e desenvolvimento psicomotor proporcionando um crescer saudável. A vertente curativa diz respeito aos tratamentos de doenças agudas e ou crónicas, habitualmente em meio hospitalar.

Contatos

Horário

Segunda a Sexta: 9:30 – 12:30 | 14:00 – 20:00

Sábado: 10:00 – 13:30

 

Contactos Institucionais

  • Avenida 25 de Abril Nº12 1ºA 5370-202 – Mirandela
  •  278 262 129  /  930 594 237
  •  geral@clinicajoaovaz.com

Formulário

3 + 4 =